Um longo texto escrito ou um vídeo objetivo?

A tecnologia vem cada dia mais transformando a vida das pessoas. A Internet deixou de ser um local de pesquisa, para se tornar uma grande rede social, repleta de informações. Contudo, a agilidade e velocidade de transformação que essa ferramenta nos proporciona e, a falta de tempo diário, acabaram provocando uma modificando na forma como as pessoas absorvem os conteúdos na Internet. Pode se dizer que estamos perdendo certo encanto pela forma escrita, e que, o habitual, está sendo o áudio visual. Mas, será que os vídeos estão matando o texto na web?

É bem provável que, de 10 pessoas que acessarem esse texto, apenas 5, terão lido seu conteúdo até o final, porque, o padrão da web é completamente diferente da mídias impressas e, grande parte das pessoas que a acessam, não tem tempo, vontade ou paciência para ler grandes textos; por mais que o tema seja de extrema importância ou de grande interesse. E, por conta dessa onda de “preguiça” e novidade, a atração pelos vídeos tem se tornado cada vez maior.

O público da internet ficou menos exigente com questões escritas e mais rigoroso com relação aos vídeos e imagens. E, o que tem sido prezado é o visual e não mais o escrito. Por exemplo, uma mulher que deseja fazer uma maquiagem para uma festa ou balada, vai preferir assistir um tutorial de make no Youtube, do que ler um texto explicativo com fotos em uma revista ou página na Internet. É muito melhor ver o resultado em “tempo real”, a ler explicações e olhar no espelho ao mesmo tempo. Estamos na era do “para ontem” e os vídeos se tornaram ferramentas essenciais nesse processo de acelerar as informações.

Hoje, a web é a TV 2.0, onde tudo o que é escrito, pode ser transmitido com maior velocidade e praticidade através de um clipe. Entretanto, acredita-se que um vídeo nunca banirá a importância de um texto escrito, bem como, a televisão não acabou com os livros, e a nem as versões online dos jornais aposentaram os impressos. Até porque, se todos os sites colocassem seus conteúdos em versões de vídeos, a Internet se tornaria a nova televisão e, a rede mundial se transformaria em um grande Youtube.

Existe uma grande probabilidade de, em um futuro próximo, a web se transformar em algo maior que a própria escrita e os vídeos sejam maioria, porém, isso pode demorar muito a acontece. O caminho mais provável é que os vídeos sejam um apoio de grande importância e qualidade para as grandes, médias e pequenas empresas se manterem no mercado, além de deixarem a Internet mais rápida, divertida e dinâmica. A utilização dos clipes online, na verdade, só vieram para complementar a boa comunicação. Mas e você, prefere um texto longo ou um vídeo?

22 novembro 2017