O Natal e a felicidade

O Natal e a felicidade

Todos os anos, a energia natalina começa a invadir nossas vidas já em meados de outubro, novembro. Quando saímos às ruas, elas estão tomadas por pisca-piscas, os jingles natalinos característicos viram a trilha sonora e, como estamos no Brasil, tudo isso acompanhado por um clima para lá de quente. Esse ano tem sido um pouco diferente por conta da situação em que nos encontramos no mundo todo. O clima é outro, quem pode está saindo menos de casa, e as grandes reuniões familiares na noite do dia 24 foram repensadas. Mas o espírito natalino permanece vivo, com a esperança de que iremos superar os desafios!
As empresas seguiram investindo pesado nas campanhas natalinas, principalmente no online. Como sempre, tivemos grandes produções em campanhas audiovisuais, algumas recebendo críticas negativas por não contemplarem a situação da pandemia e estimularem encontros em grande escala. Mas a energia é a de sempre: Natal é tempo de união, família, esperança, positividade, felicidade. São esses os valores que associamos com o Natal, e esses valores foram construídos ao longo dos anos em grande parte pela mídia.
Uma das campanhas desse Natal foi o filme “Um Presente Pro Mundo” da Natura que, em dois minutos, faz uma homenagem aqueles que continuaram fazendo a diferença nesse cenário complicado que enfrentamos coletivamente. Com uma atmosfera de esperança, positividade e solidariedade, a campanha faz um apelo para sermos mais sonhadores. Captando muito bem o que esperamos de uma energia natalina!
Essa atmosfera de positividade é importante na publicidade e comunicação em geral. A produção de conteúdo na internet costuma seguir essa linha. Os conteúdos motivacionais, por exemplo, fazem muito sucesso nas plataformas. Uma pesquisa recente da Ad Science, inclusive, revelou que 80% dos consumidores são mais receptivos a anúncios que são colocados ao lado de conteúdo de tom positivo.
Ou seja, mesmo em períodos de adversidade (talvez principalmente nesses momentos), queremos consumir conteúdo que nos deixem pra cima cima. E o Natal é um momento que contempla muito bem essas nossas expectativas.

25 dezembro 2020