Calendário editorial: o que é e como aplicar na sua estratégia

Calendário editorial: o que é e como aplicar na sua estratégia

Quando a gente fala em estabelecer uma presença online de marca, duas palavras são chave: planejamento e consistência. Na produção de conteúdo, devemos considerar que qualidade supera quantidade, e só atingimos isso através de organização. Por isso, é tão importante um calendário editorial de qualidade, considerando as especificidades da marca, como suas necessidades, seu público alvo e seu nicho. Nesse artigo, vamos explicar o que é um calendário editorial e como estruturá-lo de forma eficaz.

O que é calendário editorial

O calendário editorial é um documento para organização de produção de conteúdo. Funciona como um cronograma, um calendário mesmo, em que são dispostos todos os conteúdos a serem produzidos para a sua estratégia de marketing. Aí entram blog posts, posts nas redes sociais, newsletters, ebooks, entre outros. A partir do calendário, você consegue ter um controle muito maior sobre a frequência de postagens, prazos e pautas dos conteúdos.

Importância do calendário editorial

Através do calendário editorial, você consegue organizar a sua estratégia de conteúdo mais claramente. Ele permite que você evite atrasos, esteja sempre em dia com as postagens e que essas postagens sejam relevantes e tragam autoridade para o seu negócio. Com o calendário, você está sempre dois passos a frente na sua estratégia, e minimiza as chances de chegar no dia da postagem e ter que postar “qualquer coisa” só para não ficar sem conteúdo. Como falamos acima, qualidade é mais importante que quantidade.

Como fazer um bom calendário editorial

Para um calendário editorial eficiente, é necessário que já tenha definida a sua estratégia de marketing. Assim, você já sabe em quais conteúdos apostar, e o que espera de cada um. A partir daí, é colocar a mão na massa e planejar os próximos passos.

Passo a passo para um calendário editorial

  1. Tenha uma estratégia de marketing
    É preciso que já tenha em mente seu nicho, público alvo, persona, etc., para que o conteúdo planejado seja direcionado e eficaz.
  2. Escolha uma ferramenta
    Na internet, encontramos várias ferramentas que permitem a elaboração do calendário editorial. Cada uma tem suas funcionalidades, existindo ferramentas grátis e pagas. Cabe investigar a que mais funciona para você e sua equipe. O Trello é uma boa pedida, mas o plano grátis não é tão funcional para equipes. O Google tem as funções Google Agenda e Google Planilhas que também são interessantes. O bom e velho Excel pode suprir suas necessidades muito bem, também.
  3. Planeje sua frequência de postagens
    Aqui cabe decidir a frequência com que vai postar nas plataformas. Vai ter artigos no blog todos os dias da semana? Uma vez por semana? E a divulgação nas redes sociais? Não há resposta certa, tudo depende da sua estratégia. Mas a palavra chave é consistência. Se decidiu por três posts por semana, mantenha essa frequência. Assim, o seu cliente sabe o que esperar dos seus conteúdos.
  4. Busque pautas relevantes
    Faça um brainstorming com pautas relevantes para o seu nicho. Foque em um tema específico e tente não fugir dele, para não confundir seu público. Se você tem uma empresa de consultoria de moda, não teria porque buscar pautas sobre investimento, por exemplo.
  5. Avalie resultados
    Através da avaliação, você consegue ver se seu cronograma está funcionando. De repente, cabe mudar o horário ou data das postagens, ou apostar em pautas que percebe que interessam mais ao seu público. Atenção ao feedback, sempre!
4 novembro 2020