A importância de segmentar o E-mail marketing

O E-mail marketing tem sido considerado como uma das melhores estratégias de relacionamento da atualidade, e um dos maiores responsáveis pelo branding das empresas. Segundo pesquisa da Bredin Business Information, 30% das organizações tiveram uma melhor imagem de um fornecedor através do e-mail marketing que receberam. Porém, para que está importante ferramenta de comunicação atinja seu objetivo e obtenha um bom retorno dos clientes, é preciso segmentar.

Segundo o artigo “E-mail marketing: Segmentar é preciso”, de Vitor Popper, da CEO All In, a segmentação é procedimento simples, mas que precisa ser mais estudada pelas empresas que utilizam o e-mail como ferramenta de comunicação. Esse novo braço das empresas está evoluindo a cada dia e as estratégias com foco na segmentação comportamental se tornaram a melhor forma de atingir os anseios dos clientes e chegar ao produto final: a satisfação. Mas como segmentar um grupo?

Para começar é preciso analisar o comportamento passado dos clientes, para assim antecipar seus desejos futuros. Avisar sobre uma pré-venda, por exemplo, é uma estratégia que agrada bastante o público. Outro ponto chave da segmentação é subdividir os contatos de acordo com interesses e características, como sexo, idade, estado em que reside, histórico, e entre outros, pois assim é possível conhecer o público e oferecer conteúdos que tenham maior relevância para eles. Saber com quem se comunica é um fator crucial para o sucesso da ação.

Um estudo realizado no segundo semestre de 2012, pelo departamento de marketing da Santa Clara University, na Califórnia, comprovou que clientes que recebem um e-mail marketing com seu nome e padrão de compra, dão um retorno três vezes maior do que os que recebem e-mails de propaganda comuns. Ou seja, segmentar e focar dá mais resultado que disparar indiscriminadamente.

Outro dado que o levantamento mostrou é que o assunto do título é um ponto determinante para que os usuários abram os e-mails ou não. Títulos com assuntos como: perca peso, grátis, ganhe dinheiro, vagas abertas, cursos on line e entre outros, na chamam a atenção e são normalmente são deletados, pois passam a impressão de impessoalidade e podem ser confundidos como spam.

Visto isso, segmentar ser torna um fator importante para o sucesso da ação. Quando o e-mail marketing é focado, tem layout criativo, varia nos assuntos e é relevante a cada grupo, ele tem mais chances de atingir os anseios dos usuários e ser satisfatório tanto para o cliente como para a empresa.

4 março 2017